MEDIDAS DE AUTOCUIDADO

Alguns hábitos do dia a dia podem contribuir para piora do quadro da dor no quadril. Pequenas mudanças de educação e autogestão são capazes de diminuir a dor, melhorar a função, reduzir o uso rotineiro de medicamentos e facilitar o preparo pré-operatório, como:

– Reduzir atividades de impacto

– Evitar realizar flexão de quadril acima de 90 graus

– Controlar o peso para reduzir a demanda nas articulações

– Uso de bengala em caso de claudicação (mancar)

– Calçados com bom amortecimento

– Dormir de lado com quadril dolorido para cima e travesseiro entre as pernas

– Evitar sentar em cadeiras baixas ou em sofás muito flexíveis ou baixos

– Uso de palmilhas em caso de ocorrer diferença significante de comprimento entre as pernas

– Evitar cruzar as pernas

– Aumentar a altura do assento sanitário

– Evitar tempo prolongado na posição sentada

Share This